JUCESP - Escritório Regional Bauru

BAURU / SP   •  
ÁREA RESTRITA

Escritório

HISTORIA DA JUNTA - ESCRITORIO REGIONAL DE BAURU
Nossa História inicia em meados de abril de 1996, quando na ocasião da Jornada Técnico Cultural, coordenada pela Diretoria do Sindicado dos contabilistas de Bauru, que tinha como Presidente o Sr. Paulo Roberto Martinello, cuja Jornada, foi promovida pela Federação dos Contabilistas do Estado de São Paulo, evento que contou com a presença de diversas autoridades da Classe Contábil, entre elas o então Presidente da Federação dos Contabilistas do Estado de São Paulo, o Sr. Olival da Cruz (em memória) e o Presidente da JUCESP na ocasião, o Sr. Natan Chaves, o qual externou a intenção de dar início a descentralização da JUCESP através da abertura de Escritórios Regionais pelo interior paulista. Nascia assim com a liderança dos Srs. CRIS MORENO e PAULO ROBERTO MARTINELLO o sonho de Bauru ser uma dessas unidades descentralizadas, tendo como meta principal a busca de um objetivo que era a descentralização ser iniciada por Bauru, ou seja, o PIONEIRISMO. Muitos desafios foram enfrentados, todavia a ideia do pioneirismo tomava conta e se fortalecia para superação dos obstáculos. 

Publicada no Diário Oficial da União no dia 06/03/96 a Instrução Normativa nº 50, vinha reforçar e dar diretrizes de como proceder e o que se exigiria para se conseguir a aprovação para funcionamento dos Escritórios Regionais. 
Entre as exigências continha a obrigatoriedade de ter a participação de 03 (três) entidades sem fins lucrativos de ordem privada e 01 (uma) de ordem pública. 

Começava as articulações entre o SINDCON, CIESP e a ACIB, e começam as viagens em busca do objetivo principal a realização do desejo tão sonhado. Foram aproximadamente 220 viagens entre Bauru - São Paulo em busca de conhecimentos e recursos, até que chegamos ao SIMPI, mais especificamente na pessoa do Sr. Joseph Couri então Presidente daquele Sindicato. Entre reuniões e cafézinhos foram se definindo posições até culminar com a concretização que foi a descentralização da JUCESP para o Interior Paulista, em especial para Bauru. Com a parceria definida e firmada, inicia a procura de um local, para a instalação da sede da Regional, e agregado a escolha do imóvel a definição de um layout para funcionamento tudo dentro das exigências da JUCESP. Importante ressaltar que a ideia principal consistia em se fazer aplicar dentro do layout um “aplicativo” que funcionasse com os moldes de uma produção industrial, usando métodos de tal forma que os processos não precisasse caminhar pelos departamentos usando os corredores. E assim nasceu a ideia de criar as passagens chamadas de “passa prato” muito usada em restaurantes, absorvendo assim a possibilidade de se caminhar o processo entre os Departamentos sem a tramitação pelos corredores, o que inviabilizaria a qualidade e o tempo no andamento dos processos. E assim foi feito. Nesse processo de escolha tivemos a sorte e felicidade de contarmos com a colaboração, dedicação e capacidade de um grande amigo o Beto da Bauru Imóveis que colaborou e muito nas definições de escolha e indicação do imóvel bem como as adaptações do imóvel de tal forma que fosse adequado as necessidades do layout de funcionamento e nosso desejo de se montar uma Regional com setor produtivo, com característica Industrial. Importante também ressaltar que nesse desbravamento de caminhos tivemos a colaboração de dois grandes profissionais e amigos que foram Alfredo e Maria Cristina do SIMPI imprescindíveis nos contatos com SERPRO, PRODESP, etc... com louvor e destaque a participação e empenho da Prefeitura Municipal de Bauru, com a Assinatura do Protocolo de Intenção e a Cessão de funcionários públicos exigidos por Lei, Receita Federal de Bauru, através de sua Delegacia e Secretária da Fazenda Estadual através de sua Regional, assim com a somatória de forças fomos caminhando até o dia 05/08/1997 dia da inauguração desta unidade descentralizada da JUCESP
Data inesquecível. Importante ocasião de satisfação pelo dever cumprido, presença das maiores autoridades políticas de nosso Estado como o governador Mário Covas, Natan Chaves Junior Presidente da Junta Comercial do Estado de São Paulo, Belisário dos Santos Junior Secretário da Justiça e Defesa da Cidadania, o Deputado Federal Tuga Angerami, Joseph Couri Presidente do SIMPI, Dr. Jamil Naufal Assessor e Vogal da JUCESP/SP, entre outras. Entre manifestações e discursos os cumprimentos a toda Bauru pela conquista do primeiro Escritório Regional da Junta Comercial do Estado de São Paulo, o fascínio do pioneirismo estava estampado entre todos os componentes das entidades participantes do convênio, o que há de se ressaltar o brilhantismo do trabalho desenvolvido pelos diretores Paulo Roberto Martinello e Cris Moreno, representantes do SINDCON e na ocasião  Diretores da unidade descentralizada da JUCESP, ou seja, do Escritório Regional Jucesp – Bauru, que não mediram esforços para serem os primeiros no Processo de Descentralização, oferecendo a BAURU, o título de PIONEIRO NA DESCENTRALIZAÇÃO da JUCESP-SP -  posição de orgulho para nossa cidade.    
As festividades tinham uma dose de satisfação pessoal, entretanto para os diretores Paulo e Cris, iniciava-se mais um desafio que era o funcionamento a contento do Escritório Regional. Toda estrutura pronta, layout de produção estabelecido, móveis devidamente localizados, instalações ligadas ao setor de informática devidamente pronta para as operações, contatos com as repartições através de link definidos, funcionários contratados e treinados, tudo pronto; abrem -se as cortinas e começa o espetáculo, iniciasse a maratona dos trabalhos, e assim no dia 18 de agosto de 1997 temos a primeira empresa registrada fora da JUCESP/SP em 107 anos de vida da Junta Comercial. Trata-se de uma empresa individual que recebeu o registro, da cidade de Jaú/SP, apresentada pelo Escritório Recorde, de propriedade do contador Roberto Alves Bil Barbosa. Este foi o primeiro entre muitos que vieram. 


Desta forma a história do E.R. Jucesp Bauru, deve ser contada em 03 etapas: 

Primeira: Desafio da montagem. 
Segunda: Divisor de aguas antes e depois da publicação portaria 50/98 de 06/03/96. 
Terceira:  Manutenção da qualidade em todos esses anos de vida.    

Ao longo do tempo com a administração voltada para quebra de paradigmas, e definindo posições que vem sendo destaque no campo da administração da “coisa pública”. Nossa Regional tem nos trazido frutos no campo do reconhecimento ao trabalho desenvolvido, deixando claro que com dedicação, comprometimento, transparência e colaboração de uma equipe coesa, ainda vale a pena, embora em um pais conhecido como sem memória e recheado de corrupção. Nossos usuários fieis e comprometidos são a base que precisamos para a continuidade e cumprimento de nossas metas. Por outro lado, a oportunidade de poder contar nossa história nessa nossa nova página, com novo logo, nova estrutura interna e atualização no mundo virtual usando das ferramentas mais modernas que existe no mercado, nos permite sentir realizados diante de nossos objetivos que é ATENDER BEM O USUÁRIO DA JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO, entidade centenária que merece todo nosso respeito e consideração. 

 

 

Entidade gestora
 
JUCESP - Escritório Regional Bauru
Fone / Fax: (14) 3235-3400
  Rua Araujo Leite, 25-15 - Altos da Cidade - CEP 17012-055 - Bauru / SP           E-mail: contato@jucespbauru.com.br
 
Entidade conveniada